Paulo Pinto: o fotojornalista apaixonado pelo esporte

Especiais

Erivam Oliveira

Paulo Pinto é natural de Santana do Livramento no Rio Grande do Sul, tem 57 anos e 37 de profissão. Seu interesse por fotografia surgiu durante o colegial, época que já fazia fotos e filmes dos amigos, onde seguiu os passos do irmão Duda, que era fotógrafo do jornal de sua cidade “A plateia”.

Ao chegar em São Paulo, Paulo Pinto foi trabalhar no Diário Popular, desenvolvendo um belo trabalho no local que é chamado por muitos, como a principal escola do fotojornalismo brasileiro.

Em 1994 se transferiu para Agência Estado, onde teve a oportunidade de cobrir duas Copas do Mundo - França 1998 e Coréia-Japão 2002 - e, além de Pequim, os Jogos Olímpicos de Sidney (Austrália), em 2000. "Cobrir eventos desse porte é o sonho de todo fotógrafo esportivo. Neles, é onde se encontram os melhores das modalidades e onde os grandes profissionais da imagem farão os registros para a história", afirma o fotojornalista. "Esportes, em geral, nos propiciam grandes fotos", acrescenta.

Deixe Seu Comentário

*Preenchimento obrigatório.