Atrações e intimismo assemelham Upper West Side à Vila Mariana

Região

Da Redação

Apesar das diferenças entre São Paulo e Nova York, ambas cidades-têm bairros com características semelhantes. Foto-Kevin Tokunaga e Renata Geraldo
Apesar das diferenças entre São Paulo e Nova York, ambas cidades têm bairros com características semelhantes. Fotos: Kevin Tokunaga e Renata Geraldo

O Upper West Side, em Nova York, é poucas vezes citado nos guias de viagem, por não ter a tão conhecida agitação de outras regiões de Manhattan. Entretanto, tem um grande potencial de esconder vários tesouros e atrações. O bairro, predominantemente residencial, está para Nova York assim como a Vila Mariana está para São Paulo. A reportagem de Vila Mariana verificou semelhanças e diferenças entre as duas regiões.

Sobrados clássicos

Os pequenos sobrados vintage são tão clássicos na Vila quanto são no Upper West Side. É muito comum ver estas casas em cenários de filmes norte-americanos, como por exemplo, em “Um Senhor Estagiário” (dirigido por Nancy Meyers, 2015). São elas que dão a característica intimista do bairro, assim como as residências da rua Áurea na Vila.

Aos domingos, o bairro nova-iorquino oferece todo o tipo de entretenimento para os moradores, que fazem questão de sair de casa com os filhos e aproveitar o dia. Um exemplo de eventos intimistas que ocorrem na região são uma feira livre de frutas e legumes orgânicos e um mercado de pulgas.

As feiras livres que a Vila oferece às segundas e quartas, também são intimistas, reunindo moradores que veem a ocasião como motivo de confraternização.

Proximidade com parque

O Central Park representa o centro de Nova York, separando-a entre leste e oeste. O Upper West e East Side, recebem o título de “upper” por serem ambos os mais próximos do principal parque da cidade, permitindo uma vista inigualável.

Já a Vila Mariana é próxima do Ibirapuera, também principal parque da cidade e o maior da América Latina. É possível, em vários locais, ter uma vista também incrível do maior ponto verde da região central.

Apesar da distância, aos domingos, os moradores da Vila e do Upper West têm o hábito de passar o dia nos parques. Fazendo esportes, passando tempo com a família ou simplesmente lendo no chão, tanto paulistas quanto nova-iorquinos renovam as energias para o cotidiano agitado e estressante de ambas cidades.

Bairros residenciais

Apesar do caráter intimista e fechado do Upper West Side, ainda assim, há uma proximidade com pontos mais agitados da cidade, como o Columbus Circle e o Lincoln Center.

A Vila, por outro lado, fica próxima de partes também turísticas, como a Avenida Paulista e do próprio Ibirapuera. Ou seja, apesar do caráter residencial e intimista de ambos, sempre há a possibilidade de entrar em um carro, ônibus ou metrô e aproveitar a parte agitada da cidade.

Renata Geraldo (2o semestre)

Deixe Seu Comentário

*Preenchimento obrigatório.