Empresa colabora na luta contra valores impostos à mulher

Região

Edson Capoano

Juliana Perna e Gustavo Fruges questionam os padrões estabelecidos sobre o corpo feminino. Foto: Julia Salituro
Juliana Perna e Gustavo Fruges questionam os padrões estabelecidos sobre o corpo feminino. Foto: Julia Salituro

Na noite da última quarta-feira (8), a ESPM-SP recebeu no auditório Castelo Branco a equipe de branding e marketing da linha de cosméticos Quem disse, Berenice?, Gustavo Fruges e Juliana Perna, para uma palestra no Dia Internacional da Mulher.

Temas como o empoderamento feminino e a equidade de gênero no ambiente social e profissional foram discutidos durante o encontro. A marca rompe com as regras impostas pela indústria dos cosméticos e questiona a ideia de beleza. Juliana destacou que a mulher tem o direito de escolha de usar e não usar o que bem entender . E Fruges definiu a Quem Disse, Berenice? como “Uma marca que quer ter a liberdade na sua essência”.

A empresa é a maior rede cosmética no Brasil e já iniciou um movimento de expansão internacional. Em 2016, três lojas foram abertas em Portugal e, segundo Fruges, o cenário futuro é de continuar crescendo.

Por Lucas de Abreu Palma (1o semestre)

Deixe Seu Comentário

*Preenchimento obrigatório.